Era Vitoriana

Primeiro site brasileiro dedicado ao período Vitoriano, datado de 1837 a 1901.

Como os vitorianos comemoravam a Páscoa?

Cartão de 1880 mostra um gnomo entregando um ovo de Páscoa a uma menina.

Cartão de 1880 mostra um gnomo entregando um ovo de Páscoa a uma menina.

A Páscoa é uma festa cristã em que a ressurreição de Jesus Cristo é celebrada. Antes de Vitória se tornar rainha da Inglaterra em 1837, o país aplicava duras proibições puritanas sobre celebrações históricas. Assim que ela subiu ao trono, as proibições foram deixadas de lado, permitindo que as pessoas criassem novas tradições, muitas que sobrevivem até hoje.

Dessa forma, a Páscoa se tornou uma ocasião social muito amada, assim como religiosa. Contrariamente aos nosso preconceitos de que os vitorianos gostavam de contenção e seriedade, muitas características de suas celebrações de Páscoa eram brilhantes e coloridas.

Eventos e flores
Para honrar a Páscoa como um evento sagrado, os vitorianos expressavam sua devoção com belos arranjos florais em Igrejas, assim como imagens espirituais e simbólicas de cordeiros em cartãos de Páscoa. Damas extravagantes usavam flores de cera em seus vestidos; assim como bordados florais como lírios, tulipas brancas e amarelas, violetas e azaléias.

Cartão vitoriano de Páscoa.

Cartão vitoriano de Páscoa.

Ainda hoje muitas famílias assistem a missa da Páscoa. No entanto, na época era costume fazer desfiles de Páscoa, tradição essa que ainda existe em alguns locais. Depois da missa, os participantes passeavam pelas ruas mostrando suas melhores roupas de primavera. Esse desfile também era um excelente momento para uma mulher anunciar seu noivado. O homem a presentearia com um par de luvas; e se ela o usasse durante um desfile, signifcaria que ela aceitava o noivado.

A idéia de usar roupas novas na Páscoa tem suas raízes na tradição romana, em que se acreditava trazer boa sorte vestir algo na primavera, e do cristianismo primitivo, onde os novos convertidos comemoravam seu batismo vestindo branco durante uma semana.

Os eventos e celebrações continuavam durante toda a temporada da primavera até o início do verão. O auge da temporada social era de Abril até o final de Junho, sendo o seu destaque o baile de debutantes, onde as jovens mulheres eram apresentadas para a sociedade.

Cartões de Páscoa
Os amantes vitorianos se correspondiam pelo correio. Durante a segunda metade do século 19, um editor inteligente enviou cumprimentos de Páscoa com um desenho de um coelho em um artigo de papelaria. No entanto, muito antes disso, as pessoas trocavam uma grande variedade de cartões coloridos na Páscoa.

Recipientes de doces em forma de ovos (entre 1890 e 1910).

Recipientes de doces em forma de ovos (entre 1890 e 1910).

Caça aos ovos
A Páscoa era amada pelas crianças vitorianas. Pequenas cidades promoviam caças aos ovos. Em 1896, o jornal Delineator’s publicou uma notícia sobre uma caça em uma pequena cidade no sul, onde os ovos foram escondidos em pequenas caixas entre os lírios. Além de prêmios para os melhores caçadores, todos ganhavam limonadas e biscoitos.

Já em Washington, em 1901, um jornal descreveu como as crianças se divertiram nos jardins da Casa Branca perseguindo coelhos e rolando os ovos de páscoa. Essa brincadeira de ‘rolar os ovos’ era bem típica: as crianças rolavam seus ovos (de brinquedo, não de verdade) e viam qual chegava na base do morro mais rápido.  Uma banda tocava valsas e canções patrióticas, enquanto barracas vendiam amendoins, pipoca, balões frutas, doces e bolos de mel.

moscou

Alguns dos ovos da coleção do Museu Pysanky, em Kolomyia, na Ucrânia, datam o século 19.

Os Ovos de Páscoa
Durante séculos, os ovos eram associados a fertilidade e vida nova, e era costume dá-los de presente na primavera, geralmente decorados. Uma vez que eles não podiam ser comidos na Quaresma, durante as semanas que antecediam a páscoa, era comum cozinhá-los para que eles durassem mais. Ovos belamente decorados se tornou uma arte na Europa, popularizada  na Ucrânia: do verbo pysaty, “escrever”, a prática conhecida como Pysanka de decorar ovos usando uma cera de abelha resistente. Poucos desses ovos existem, uma vez que as cascas de ovos de galinha são muito frágeis, mas fragmentos delas foram descobertas em diversas escavações arqueológicas. No entanto, essa decoração de ovos ucraniana remonta à era pré-cristã, uma vez que os ucranianos adoravam o Deus Sol, e os ovos decorados eram símbolos da natureza e parte dos rituais de primavera.

Hoje, no entanto, a parte mais típica da Páscoa não é a religião, mas sim os ovos de chocolate. Inicialmente no século 19, os ovos eram feitos de papelão, revestidos com cetim e continham pequenos doces dentro. A primeira menção a uma forma parecida com o nosso conhecido ovo de chocolate teria sido feita por Guglielme Jarrim, que se decrevia como um ‘pasteleiro ornamental’. Em seu livro escrito em 1820, ele menciona uma forma oca, que seria recheada com especiarias como frutas secas. No entanto, naquela época a criação de doces ocos era extremamente difícil. Foi apenas com a Revolução Industrial que fazer doces se tornou mais fácil, e em 1875 que John Cadbury, um pequeno proprietário de lojas de chocolate na Inglaterra, começou a comercializar ovos de chocolate. Outro doce popular naquela época e hoje eram o coelho de chocolate.

Já nos Estados Unidos, foram os colonos alemães que trouxeram seus costumes e as idéias de coelhos brancos trazendo cestas de guloseimas e ovos para os bons meninos e meninas, que ficaram populares na imaginação popular. Após a Guerra Civil Americana (1861-1865), a Páscoa se tornou popular e muito associada com o consumo de doces.

Bibliografia:
JOHNSON, Barbara. “How the Victorians Celebrated Easter“. Acesso em 23 de Abril de 2016.
BOYLE, Laura. “Jane Austen’s Easter“. Acesso em 23 de Abril de 2016.
KNIGHT, RT. “The Victorian Easter: Traditions we still uphold today“. Acesso em 23 de Abril de 2016.
Spring Traditions Yesterday and Today“. Acesso em 23 de Abril de 2016.
Pysanka“. Acesso em 23 de Abril de 2016.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 107 outros seguidores

Translate this

Siga-nos no Youtube

%d blogueiros gostam disto: