Era Vitoriana

Primeiro site brasileiro dedicado ao período Vitoriano, datado de 1837 a 1901.

A revolução Steampunk e sua importância para a História vitoriana

SteampunkO Steampunk é a ficção científica do passado. Seu período mais popular gira em torno da Inglaterra vitoriana e uma extravagância tecnológica gloriosa em torno de máquinas a vapor que nunca existiram, inspirados em grande parte pelas obras de HG Wells e Júlio Verne. Historicamente, este período viu o desenvolvimento de muitos aspectos fundamentais do mundo moderno, e o steampunk utiliza desta tecnologia e estrutura para imaginar um mundo ainda mais avançado no século 19, muitas completados com aeronaves a vapor e computadores mecânicos. No entanto, atualmente o período steampunk pode ser ligado a qualquer outro período histórico, como a Idade Média, Renascimento ou Regencial.

Imagine quase tudo que usamos hoje, ou mesmo especulando o que poderemos usar o futuro, coloque algumas engrenagens, empodere-o com vapor, e você terá feito steampunk. No entanto, o termo ‘steampunk’ não foi inventado até o final de 1980, quando o autor KW Jeter usou o termo para descrever humoristicamente um grupo de histórias ambientadas no período vitoriano, escritas durante um tempo o cyberpunk era a forma predominante de ficção científica.  Dessa forma, de um jeito meio irônico, o punk não entra em momento algum no estilo, uma vez que o termo ‘steampunk’ é uma referência ao gênero cyberpunk, e nada mais. Além disso, o ‘punk’ no contexto do punk rock era o produto de circunstâncias muito específicas após a Segunda Guerra Mundial, o que o torna fundamentalmente diferente da estética vitoriana que inspira o steampunk.

Quanto ao resto do steampunk, bem, você só precisa visitar uma convenção steampunk para ver o fascínio que as roupas vitorianas e os maneirismos que dão a aparência de ficção científica – ou, para nós que moramos no Brasil e não temos acesso fácil a esse tipo de evento, simplesmente dê uma pesquisada rápida na internet. A primeira convenção Steampunk ocorreu em 2006, e a palavra foi adicionada ao Dicionário Oxford de Inglês em 2010. Seu maior impacto, até o momento, tem sido em designers de produtos: o steampunk reacendeu um amor por objetos e materiais ‘antiquados’, tais como madeira, latão e cobre, e também cooptou com a moda de reformular ou reparar objetos quebrados.

'Truth', uma cafeteria de temática steampunk na Cidade do Cabo.

‘Truth’, uma cafeteria de temática steampunk na Cidade do Cabo.

Agora, milhares de produtos steampunk podem ser comprados online, desde mesas de café a vestidos e colares. O steampunk tipicamente acrescenta o melhor da era vitoriana – os exploradores, soldados, condessas, senhores e prostitutas, ao burlesco, babados e capas. Começou a crescer o interesse de jovens no espiritualismo e ocultismo vitoriano, assim como romances, livros e filmes ligados ao período.

Para termos noção da importância do steampunk na vida real, Donovan, um artista americano de steampunk, contatou o diretor do Museu de História e Ciência de Oxford, Jim Bennet, em 2009, para falar sobre uma escultura que ele tinha feito com base de um antigo astrolábio de bronze. Os dois começaram a conversar e concordaram que o steampunk deriva muito de suas influências das ciências vitorianas do século 19, e então foi combinado uma exposição de arte para complementar a coleção do museu. Embora Bennet concorde que muito dos praticantes de steampunk não estão muito interessados na ciência,

“Quando vemos um movimento que está usando esse capital cultural de forma original e atraente, queremos ser parte disso. Do nosso ponto de vista, é um movimento criativo nas artes que tem uma circulação e popularidade”.

Dessa forma, entre 13 de Outubro de 2009 e 21 de Fevereiro de 2010 ocorreu a primeira exibição mundial em um museu sobre a arte steampunk. Bennet disse ter ficado surpreso com o grande interesse que a exposição teve: ela dobrou o número de visitantes normal do local. Para ele, o “steampunk promove o interesse de um indivíduo e seu envolvimento nas ciências físicas tradicionais”.

Membros do grupo “League of Victorian Imagineers”. São poucos objetos que os distinguem de usarem figurinos vitorianos comuns.

Ao contrário de convenções de Star Trek, onde um observador pode reconhecer instantaneamente os uniformes e trajes, as pessoas parecem instantaneamente atraídas para a elegância e impressões fantásticas que as roupas steampunk dão. Em alguns casos, a única coisa que separa um traje steampunk de um traje vitoriano é um par de óculos com engrenagens, ou um coldre de arma. É na defesa dessas fantasias magníficas que esse artigo foi escrito.

A comunidade steampunk é um multidão ávida e voraz para absorver todas as coisas, o que aumenta o realismo e a diversão de sua fantasia vitoriana. É claro que, na verdade, no momento em que você adiciona alguns couros cobertos com engrenagens você se desvia dramaticamente da natureza histórica do equipamento, mas se você está habilitado a viver um momento tentador fora da História, viva-o. Mesmo que seja sob uma pretensão científica, o ato sozinho acrescenta conhecimento da verdade histórica. Na verdade, a maioria do steampunk pode ser tão enriquecedor para a verdadeira História tanto quanto as encenações da Guerra Civil o são nos Estados Unidos.

sra8 stea8

Ao contrário da ficção científica convencional, onde as histórias geralmente são colocadas em um futuro distante, o steampunk requer um pouco mais de exposição sobre a natureza de como ele se encaixa na História. Por exemplo, três elementos-chave do Steampunk são o vapor, as engrenagens e os óculos. O vapor é, obviamente, uma referência pois este era um aspecto vital da vida em um mundo steampunk – o vapor geralmente significa um mundo onde essa tecnologia era dominante, uma vez que na Era Vitoriana a energia a vapor revolucionou quase todos os aspectos da vida. As engrenagens são um símbolo facilmente reconhecido do steampunk, embora não seja exclusivo do gênero: ela foi inventada muito antes do século 19 e ainda permanece em uso – a engrenagens é, principalmente, uma referência a energia elétrica e a vapor. Já os óculos de proteção estão associados com a ciência e as viagens mecanizadas, sendo que ambas são temas comuns no steampunk.

ste5 stea6 stea7

G. D. Falksen usa uma roupa vitoriana com um braço protético steampunk.

O steampunk tende a imaginar um passado onde os atuais avanços tecnológicos impactaram uma consciência social e são colocados em exposição em contraste com a nossa história real, fazendo assim com que o observador analise a etimologia do tempo, e faça uma comparação dos resultados históricos. Onde estaríamos hoje se o nosso passado tivesse sido realmente como nos livros steampunk, onde não tínhamos necessidade de escravidão, as mulheres podiam ser investigadoras e os dirigíveis enchiam os céus como o principal meio de transporte? Chamar a atenção para qualquer assunto ou era histórica, mesmo se feita em uma luz altamente fictícia, promove uma busca nas fundações do que aquilo realmente era, como realmente aconteceu!

Traduzido e adaptado dos artigos:
What The Hell Is Steampunk?“, de William Higham;
What is Steampunk“, de GD Falksen;
The Steampunk Revolution and Victorian History“, de Julian Cunningham.
What’s With steampunk?“, de Gary Moskowitz.
Anúncios

Um comentário em “A revolução Steampunk e sua importância para a História vitoriana

  1. LadyBea Maccon
    22 de setembro de 2016

    Eu amo! E tem muitos livros com essa temática, pena q aqui no Brasil não tem muito sucesso

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado às 22 de setembro de 2016 por em Beleza e Higiene e marcado , , , , , , , , .

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 107 outros seguidores

Translate this

Siga-nos no Youtube

%d blogueiros gostam disto: