Era Vitoriana

Primeiro site brasileiro dedicado ao período Vitoriano, datado de 1837 a 1901.

Os vitorianos dormiam dentro de armários? Conheça a história das Camas Box no período vitoriano

precos

Muito difundida na era digital, uma série de fotografias mostrando criados vitorianos dormindo dentro de armários são extremamente famosas e divulgadas como a falta de higiene e humanidade do século XIX. No entanto, poucos sabem que na verdade essas fotografias são de origem francesa e são encenadas, com os ‘atores’ utilizando trajes folclóricos e tradicionais bretões.

Esses cartões provavelmente apelavam para pessoas na cidade de Paris que iam para a Bretanha, ou para turistas. O patrimônio cultural da Bretanha era bastante distinto do resto da França, e essas imagens da utilização das ‘box-bed‘ pareciam sugerir que os bretões eram caipiras e rústicos.

f1 f7 f3
f4 f6 f8

 

Mobiliário tradicional da Bretanha, a chamada ‘box-bed’ ou ‘lit-clos’ eram usadas em casas com geralmente apenas um quarto, permitindo um pouco de privacidade e ajudando a manter as pessoas quentes durante o inverno. Sendo usados também para proteger as pessoas dos animais (porcos ou galinhas) que também viviam na casa, ou até mesmo de lobos e animais selvagens do interior; outra vantagem do armário-cama é que ele poderia ser construído na sala de estar e fechado durante o dia, de forma que era desnecessário fazer um novo quarto na casa. A outra vantagem era que, durante o inverno, a pequena área do armário-cama seria aquecida pelo calor do corpo, significando que a lareira ou forno não precisaria ser mantida acesa à noite.

Da Áustria, no século 17.

Da Áustria, no século 17.

china

Da China, no final do século 19, com portas que correm.

Lembranco mais o estilo de 'caixa', sem a parte da frente.

Lembranco mais o estilo de ‘caixa’, sem a parte da frente.

Cama em estilo bretã sem laterais de madeira.

Cama em estilo bretão sem laterais de madeira.

Da França, tempo indeterminado.

Da França, com um banco na frente, lembrando exatamente as fotografias cômicas.

Em formato de caixa com as portas quase fechadas.

Em formato de caixa com as portas quase fechadas.

Logo no início do século XIX, esse tipo de mobiliário começou a ser extremamente criticado por conta da preocupação da higiene relacionada a necessidade de ar fresco. A imprensa quanto à ‘box-bed’ começou a ser totalmente criticada, pois era difícil limpar dentro dela, o interior poderia apodrecer e ela era vista como um terreno fértil para o surgimento de germes, percevejos e sujeira. Por isso, existem hoje pouquíssimo exemplares desse tipo de mobiliário, uma vez que, caindo de moda, a maioria foi destruída e transformada em outras peças. Como podemos ver nas imagens acima, apesar das críticas, esse estilo de cama foi usada em diversos países, até mesmo na França.

Cama fechada com cortinas, do Rembrandt House Museum.

Cama fechada com cortinas, do Rembrandt House Museum.

Construídas um sobre as outras com dois andares (os jovens dormiam no andar de cima), esses itens eram o principal mobiliário das casas rurais da Bretanha até o século 20, sendo esculpidas e decoradas, o orgulho de seus proprietários. As camas tinham por volta de 1,7 de comprimento – desde a Idade Média, era tradição não dormir totalmente deitado (pois essa já era a posição do morto), e era comum que as pessoas dormissem de forma quase sentada, apoiada em três ou quatro travesseiros. Ela podia ser totalmente fechada com madeira, com portas de correr, ou com cortinas. Assim, a cama era espaçosa para todos. Gradualmente no século 19 a peça foi ficando fora de moda e indo parar em museus ou convertidos em estantes e armários.

Durante o final do período vitoriano, talvez como uma forma de continuar garantindo as vendas, as box-bed começaram a ser anunciadas como a ‘cama do criado’, mas de uma forma totalmente nova. Mais uma vez supondo: talvez para não lembrar da simples cama em forma de armário ou caixa usadas no interior. Essa abaixo, por exemplo, era uma cama que se convertia em uma forma similar ao de um piano. Apreciando a imagem de um piano em sua sala de estar e de uma cama razoavelmente confortável á noite, esse item foi feito em 1885.

Apesar da controvérsia, em 1841, o livro “The Book of the Farm” escrito por Henry Stephens dizia que

“Não é provável, no entanto, que as caixas-camas, que são realmente quentes e confortáveis em seu interior, sejam deixadas de lado, apesar da construção ser inconveniente para pessoas doentes. As modificações de sua forma recomendada pelos homens médicos consistem principalmente em abrir as partes de trás e as dobradiças, e fazer a parte superior movível, por uma questão de promover a ventilação, assim como proporcionar um acesso fácil. Cortinas suspensas de hastes móveis, que podem ser tiradas pela frente, também tem sido recomendadas ao invés de painéis deslizantes, para esconderem as pessoas enquanto se vestem e se despem, nos casos em que as camas não ocupam apartamentos separados”.

Cama box com colchão conjugado e aberta para mostrar o baú.

Cama box com colchão conjugado e aberta para mostrar o baú.

De certa forma, Henry estava certo: hoje, as camas box ainda são populares, mas com outro sentido: embora ainda seja associada com ‘economizar espaço no quarto’,  a cama box  hoje não tem nada a ver com dormir dentro de uma caixa ou armário; mas seu diferencial se dá por não ter as laterais de uma cama normal, sendo exatamente do tamanho do colchão, eliminando também acidentes de esbarrão nas quinas e sustentação mais segura do que camas com estrado de madeira. Em sua maioria, as camas box vêm também com baús ou gavetas em seu interior.

Bibliografia:
Box beds, bunk beds – upstairs, downstairs. Acesso em 6 de Novembro de 2016.
Press beds. Acesso em 6 de Novembro de 2016.
Box Bed. Acesso em 6 de Novembro de 2016.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado às 23 de novembro de 2016 por em A vida no período e marcado , , , , , , , , , .

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 109 outros seguidores

Translate this

Siga-nos no Youtube

%d blogueiros gostam disto: